Home

O azeite de oliva foi muito utilizado pelos povos antigos como fonte de alimento, medicamento e luz. O azeite lampante (muito utilizado em lamparinas – dai o seu nome), ainda produzido atualmente, era fundamental para iluminar os lares, templos e cidades.

Curiosamente, a chama do azeite de oliva não produz fumaça e não emite odor, ao contrário dos produto obtidos a partir de petróleo.

Xerazade a lendária rainha persa, com sua beleza e inteligência, com certeza utilizou-se muito desse tipo de azeite para narrar os contos de As Mil e Uma Noites. Ela fascinou o rei Shariar ao narrar as histórias fantásticas por mil e uma noites, ele poupou sua vida e ganhou o seu eterno amor.

Rainha Xerazade pintada no século XIX por Sophie Anderson.